domingo, 2 de março de 2008

Apresentação

“Atam fardos pesados e difíceis de suportar, e os põem nos ombros dos homens; eles, porém, nem com o dedo querem movê-los.” (Mateus 23:5)

Essa era a opinião de Jesus sobre os fariseus. Grande parte das mensagens que o Mestre pregou quando andou por aqui tratou da religiosidade como uma forma da afastar o homem de Deus. Veja, por exemplo, o capítulo 15 de Mateus, no qual Jesus explica claramente como os fariseus conseguiam invalidar os mandamentos de Deus com sua tradição.
Mas sejamos francos: não é verdade que o cristianismo vivido hoje assemelha-se muito com tudo que Jesus condenou nos fariseus? Não é verdade que nossas igrejas estão cheias de religiosos, que aparentam cumprir muito bem todas as regras, mas cujos corações só Deus sabe do que está cheio? Afinal, o que vivemos hoje: uma religião ou o evangelho de Cristo?
Com a graça de Deus aprendo que todo esforço necessário já feito por Jesus na cruz. É isso mesmo. Ele já fez tudo. E o que Ele pede? Amor. Só isso. Observe que Jesus, em seus últimos momentos, conversando com o Pedro frustrado que havia acabado de negar seu Senhor, não apresentou lições teológicas sofisticadas. Também não apresentou o estatuto que a igreja deveria seguir dali em diante, contendo todos os preceitos básicos que um cristão deve seguir. O Mestre o levou a fazer uma declaração de amor. De quebra, Pedro teve seu trauma curado.
Olhe para a igreja atual e a compare com a igreja do Novo Testamento. Onde erramos? Precisamos de franqueza para encontrar as nossas falhas. Este Blog propõe-se a ser um canal para trocarmos idéias sobre a igreja. O enfoque é graça. Somos contra tudo que pretende ocupar o lugar de Cristo na nossa vida, seja quem ou o que for. Leia, reflita e comente. Nem tudo está perdido...

6 comentários:

tinha disse...

Parabéns aí pessoal pelo blog, amei!!!Deus os abençoe!



É isso aí queridos, o Cristianismo vivido hoje está tão distante da simplicidade do evangelho de Jesus Cristo.É chocante perceber o quanto nos distanciamos da igreja primitiva!
A igreja evangélica enveredou-se ao longos dos anos por um caminho que pouco se assemelha a mensagem genuína do evangelho.Criando assim um sistema onde regras, expectativas e regulamentos condiciona a salvação ao esforço humano de agradar a Deus, como uma recompensa por desempenho.Infelizmente tem sido assim, mas concordo nem tudo está perdido!Sola Gratia!rs

Franck disse...

É isso aí pessoal voçês estão de parabéns pelo blog,está show de bola!!!!Gostei muito,que voçês continuem assim.


Olha pessoal a igreja evangêlica tem vivido um cristianismo ou um evangelho tão radical e complicado que as pessoas tem se a fastado da simplicidade de Jesus.É por isso que Philip Yancey diz: que devemos ser cristãos independente de igreja.É por isso a verdadeira prendizagem acontece dentro de nós e não pelo sistema de regras e cobranças."Ó graça momentânea dos homens mortais,que nós procuramos mais do que a graça de Deus"(Shakespeare)

L' Abri Net disse...

Tá bom vou visitar e ler as postagens! Deus te abençoe. Também tenho um, vai o link: http://labriadalbertooliveira.blogspot.com/

Quando vem aqui em Casa! E a noiva, vai bem?
Rev.Adalberto

Agraciados disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Agraciados disse...

Muito obrigado a todos pelo incentivo. Espero que continuem colaborando com nossas reflexões acerca da igreja.
Rev. Adalberto, que prazer vê-lo por aqui. A minha noiva vai bem. A de Cristo é que parece não estar muito legal... Temos que marcar um bate-papo! Saudades.

Denisson disse...

Finalmente comentando... Cara espero que mais pessoas possam acessar e gostar do nosso trabalho... Abraços